Previsão de um Futuro Negro

Você já ouviu uma conversinha de que um buraco negro é uma coisa que tem uma força gravitacional tão grande que nem a luz escapa? Então, isso é uma conversa ridícula. Os buracos negros são muito mais que isso e ao mesmo tempo nada disso. Para contar pra você o que são esses indivíduos vou primeiro fazer um comentário sobre a relatividade geral, uma idéinha daquele tal de Einstein sobre como funciona a gravidade.

A gravidade é uma força de atração entre corpos com massa, quanto mais massa mais forte a força, certo? Não para o Albert. O que está por detrás de tudo (mesmo) é que na presença de um corpo massivo a estrutura do espaço e do tempo são diferentes. Diferentes como? A presença da massa modifica o modo como medimos distâncias ou então a duração de um intervalo de tempo. Para ser mais preciso, considere o planeta Terra. Perto da Terra o espaço e o tempo são diferentes de longe dela, a saber o tempo passa mais devagar na superfície da Terra do que na estratosfera. Isso mesmo, quanto mais longe da Terra mais rápido o tempo passa, o que significa que uma pessoa que trabalha no 10º andar envelhece mais rápido que o porteiro no térreo. E a gravidade? O ponto é que as partículas seguem a mesma lei que minha ex-namorada impunha no sexo: você sempre deve escolher o caminho que demore mais tempo! E as trajetórias que aumentam o tempo de duração entre dois eventos inevitavelmente levam as coisas na direção dos corpos massivos, onde o tempo passa mais devagar. E é por isso que a maçã cai da árvore, e os planetas orbitam o Sol. Entendeu?

Então perceba que a gravidade não é uma força como as outras, não tem força nenhuma na verdade, tudo que acontece é que quanto mais massivos os corpos mais devagar passa o tempo perto deles, além de mudar também a distância entre os pontos no espaço. Essa diferença de distâncias e durações é o que as pessoas gostam de chamar de curvatura do espaço-tempo. Bonito né? A gente só chama de força porque nossos sentidos não são adaptados para essa situação, da mesma forma que não tem nenhuma força centrífuga te empurrando contra a porta do carro durante a curva, é só o efeito de estar dentro do carro que engana os seus sentidos.

E os buracos negros? Comece com uma estrela ordinária (sem trocadilhos) algumas vezes maior que o nosso Sol. A sua superfície quer se aproximar do centro, onde o tempo passa mais devagar. Mas a pressão resultante da fusão nuclear que acontece dentro da estrela empurra as coisas para fora mantendo a estrela estável. Mas um dia acaba o combustível nuclear, e aí a coisa fica interessante. Sem a pressão da fusão a estrela vai se contraindo, compactando a massa em uma região cada vez menor. Essa massa compacta vai deformando cada vez mais o espaço-tempo até que se forma uma superfície onde o tempo para (toma essa Cazuza). Essa superfície é chamada de Horizonte de Eventos. Mas o mais legal é o que acontece dentro dela. Do lado de dentro, o Buraco Negro, a estrutura do espaço-tempo agora é muito diferente.

O tempo segue na direção do futuro certo? O que significa que o futuro dentro do buraco negro é muito diferente. Pense assim, normalmente nós temos um futuro com várias possibilidades, podemos decidir ir trabalhar num banco ou treinar futebol e virar jogador (ou não treinar se você quiser jogar no Palmeiras). Isso é o lado de fora. Dentro do buraco negro o seu futuro está decidido, a saber o seu futuro será sempre dentro do horizonte de eventos. É como se uma vez dentro do banco eles cortassem a sua perna e assim decidissem pra você seu futuro. É por isso que nada sai de um buraco negro, porque dentro dele todos os futuros possíveis estão dentro dele, você pode ir na direção do centro dele, ou na direção contrária, que leva para o centro também!

Percebeu porque não tem nada a ver falar em força gravitacional e em velocidade de escape? Pode até ser que perto de um buraco negro a força gravitacional que alguém sinta seja pequena, mas dentro dele o espaço-tempo está tão curvado de um jeito engraçado que todos os caminhos ficam sempre dentro dele. Uma cartomante poderia te dizer que você uma vez lá dentro com certeza terá um futuro lá dentro e eu teria que concordar, é assim que a relatividade geral funciona, ela pode alterar a estrutura do espaço e do tempo de formas radicais.

Então se alguém um dia disser que um buraco negro é uma coisa que pra escapar você teria que andar mais rápido que a luz não preste atenção. É como dizer que o Fluminense um dia vai pagar a série B. A frase pode até estar sintaticamente correta, mas não tem nenhum sentido, nenhuma semântica.

Anúncios